O que são PCN – Parâmetros Curriculares Nacionais?

download

Afinal, o que são os PCN? 

 

      Trata-se de uma coleção composta por dez volumes que constituem um referencial para a educação de qualidade no ensino fundamental. Tem a função de orientar a ação pedagógica das escolas públicas e particulares e até mesmo a prática em sala de aula.

         Apesar de ser válido para todo o país, contém uma proposta flexível e adaptável a qualquer região do Brasil e não é de uso obrigatório.

        Para sua elaboração, houve uma discussão no âmbito nacional onde participaram docentes de universidades públicas e particulares, especialistas de diversas áreas do conhecimento e educadores. Ao final, 32 pessoas participaram da elaboração, Délia Lerner e César Coll (grandes nomes da área pedagógica) prestaram consultoria e 183 obras bibliográficas foram consultadas para a composição dos Parâmetros Curriculares Nacionais.

        A criação dos PCN surgiu da necessidade de oferecer uma educação de qualidade à população, já que pesquisas apontaram grande taxa de repetência e evasão escolar em 1992.

         Durante as décadas de 70 e 80, a principal preocupação do Estado era oferecer acesso à escola para a população. Por isso, houve uma grande expansão na rede de escolas de educação básica.

       Porém, só fornecer a vaga na escola não era suficiente. Os alunos precisavam permanecer na escola e se formarem com qualidade.

          A primeira mudança veio por meio da nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, em 1996, onde são definidos os conteúdos mínimos e o dever do poder público é ampliado, principalmente em relação ao ensino fundamental. Em 1997 são publicados os Parâmetros Curriculares Nacionais.

       A proposta dos PCN é proporcionar educação de qualidade para todo o país orientando os professores. E levando em conta as peculiaridades de cada região, as sugestões e objetivos são amplos e podem ser adaptados de acordo com a necessidade de cada município, bairro ou escola.

“Se existem diferenças socioculturais marcantes, que determinam diferentes necessidades de aprendizagem, existe também aquilo que é comum a todos, que um aluno de qualquer lugar do Brasil, do interior ou do litoral, de uma grande cidade ou da zona rural, deve ter o direito de aprender e esse direito deve ser garantido pelo Estado.” (PCN, p. 28)

     Todos os livros contêm: Caracterização das Áreas, Objetivos, Organização dos Conteúdos, Critérios de Avaliação e Orientações Didáticas.

  • Caracterização da área: breve histórico sobre como era vista aquela área de conhecimento anos atrás e como é atualmente.
  • Objetivos: tendo em vista a formação integral do indivíduo, os objetivos têm a função de ajudar o desenvolvimento de capacidades cognitivas, físicas, afetivas, inserção social e ética.
  • Organização dos conteúdos: os conteúdos são abordados em três categorias:

– Conteúdos conceituais: referem-se aos conceitos e princípios que o aluno precisa adquirir ao entrar em contato com um novo conhecimento.

– Conteúdos procedimentais: “saber fazer”, colocar em prática o conhecimento adquirido.

– Conteúdos atitudinais: são atitudes, valores e normas que a criança desenvolve em casa, mas também na escola. A aprendizagem de atitudes requer prática constante e o professor precisa orientar os alunos e servir de modelo.

  • Critérios de avaliação: os PCN consideram a avaliação como uma orientadora da intervenção pedagógica, diferente da escola tradicional onde esta tinha a função apenas de medir o conhecimento do aluno.

      A avaliação precisa ser contínua, acompanhando o progresso dos alunos. Vale ressaltar que é possível utilizar diversos códigos para avaliar, como o escrito, oral, gráfico, numérico, etc.

  • Orientações didáticas: auxiliam o professor a criar situações de aprendizagem, coerentes.

      Levando em conta que os alunos têm ritmos diferentes de aprendizagem, os Parâmetros Curriculares Nacionais adotam a proposta de estruturação por ciclos, onde o aluno terá mais tempo de construir conhecimentos que ainda não estejam consolidados.

        Estes são os Parâmetros Curriculares Nacionais para o ensino fundamental. É uma leitura fácil, conversam muito com a realidade do cotidiano do professor e trazem sugestões de atividades coerentes e possíveis de aplicar em quaisquer escolas.

Anúncios